of love and colors

  • Archive
  • about me
  • Theme
  • formascriticas:

    → Casa da Severa por José Adrião Arquitectos. ©Hugo Santos Silva

    Este projeto, assinado pelo arquiteto José Adrião, é um óptimo exemplo de como recuperar uma casa vulgar, implantada na intricada malha urbana do conhecido bairro da Mouraria, em Lisboa, e torná-la num “produto” agradável, útil e repleto de lindíssimos pormenores, como por exemplo: a caixa de escadas encarnada, o enorme vão virado para a pequena praça da Severa, repetidamente exposto acima nas imagens, ou até mesmo, o pavimento cerâmico. 

    Antes de terminar, não posso deixar de mostrar o meu profundo agrado pelo trabalho do fotógrafo - Hugo Santos Silva. As imagens estão muito bonitas, a luz está excelente e os enquadramentos parecem perfeitos. Well done!

    Abaixo um excerto da memória descritiva:

    The proposal has as its goal the transformation of a housing unit located at Largo da Severa, Mouraria distric, Lisbon, into a cultural equipment called Casa da Severa. Casa da Severa features a café/restaurant that can be accessed directly from the square by a staircase, which acts as a continuation of the public space. One of the walls of its interior is prepared for video projection. The ground-floor is where technical areas are located, kitchen, lavatory and storage. On warm days, fado can be sung on the upper outdoor landing, transforming it into a stage that opens towards the square and into the city." (via)

    (via sleepyseptember)

    Ludwig Mies van der Rohe (1886-1969) | Drawings in the Permanent Collection of The Museum Of Modern Art, New York | 1969

    (Source: uvre, via chomiee-c)

    ←   Newer12345Older   →